Quarta-feira, 02 de Setembro, 2009

Emprego Apoiado poderá suscitar alguma desvalorização conotado com a anterior perspectiva de Emprego Protegido e as circunstâncias decorrentes da adaptação dos beneficiários nas empresas e instituições. São precisamente essas circunstâncias que o Emprego Apoiado procura dirimir  na óptica da realidade empresarial.

O Emprego Apoiado enquadra-se no movimento internacional de “Supported Employment” e tem por missão aumentar as oportunidades de escolha, acesso e manutenção de emprego no mercado de trabalho, para as pessoas em situação de vulnerabilidade social. Este modelo prevê a auto-determinação dos indivíduos na construção e orientação do seu próprio projecto profissional, pela conciliação das aspirações e vocações individuais com os requisitos e necessidades das empresas (job macthing) por estratégias de formação em contexto de trabalho por meio de um trabalho de parceria com as Organizações e suporte continuado que estimula a colaboração do meio empresarial.

A Associação Portuguesa de Emprego Apoiado procurado estabelecer a articulação de metodologias de Emprego Apoiado com o movimento empresarial RSO – Responsabilidade Social das Organizações, na essência da sustentabilidade social. O Emprego Apoiado tem revelado eficácia na inclusão de candidatos (as) ao emprego nas Organizações, através da busca de uma compatibilidade entre as necessidades da empresa e as competências do(a) candidato(a).

 

 

publicado por Renato Costa às 11:31

mais sobre mim
arquivos
Setembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
3
4
5

6
7
8
9
10
11

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
26

27
28
29
30


pesquisar
 

blogs SAPO


Universidade de Aveiro